Em que situação um paciente deve tirar dúvidas com um farmacêutico?

  • +A
  • -A

O tratamento de um problema de saúde é fundamental para que um paciente volte a ter qualidade de vida e possa retomar suas atividades do dia a dia. Muitos tratamentos são realizados com o consumo de medicamentos que ajudam a minimizar os sintomas de uma doença e até mesmo curá-la. Na hora de comprar um remédio, o paciente pode procurar a orientação de um profissional qualificado, o farmacêutico.

Procure um farmacêutico antes de tomar um medicamento

Na opinião da farmacêutica Patrícia Rennó, toda farmácia deve ter mais de um profissional da área: um para realizar os serviços como responsável técnico e outro para atender e prestar cuidados aos pacientes que chegam ao estabelecimento. “Eles podem realizar um primeiro atendimento e fazer um acompanhamento periódico, sempre com o objetivo de cura das doenças ou quando isso não é possível, controlar as consequências e sintomas”, afirma.

De acordo com Patrícia, um farmacêutico deve ser procurado sempre que for preciso utilizar um medicamento, um fitoterápico, uma planta medicinal ou ao sentir efeitos inesperados de um remédio. O profissional poderá orientar o paciente quanto ao uso correto do produto, detectar os efeitos colaterais e outros fatores que possam interferir no controle do problema de saúde.

O farmacêutico pode ajudar a entender a prescrição médica

O especialista também pode auxiliar um paciente tirando dúvidas sobre a receita médica. “O farmacêutico pode orientar os pacientes quanto ao horário da medicação, dosagem, forma de administração, cuidados de armazenamento, manuseio e transporte”, explica Patrícia. É possível ainda fazer uma revisão dos remédios, verificar a interação entre medicamentos e identificar medidas e hábitos do cotidiano capazes de acelerar ou retardar o tratamento.

Pacientes hipertensos e diabéticos, por exemplo, também podem se dirigir a um farmacêutico para acompanhar suas doenças, verificando a pressão arterial e a taxa de glicose no sangue, que requerem vigilância para otimização das doses dos medicamentos. Além disso, os pacientes também podem pedir dicas sobre como identificar sinais de hipoglicemia e hipertensão.

 

Foto: Shutterstock

COLABORARAM NESTE CONTEÚDO: 
Patrícia Rennó

Patrícia Rennó

Farmácia

CRM: 22472 / MG

TAGS
farmacia
Nenhum comentário para "Em que situação um paciente deve tirar dúvidas com um farmacêutico?"
Seja o primeiro a comentar

Obrigado por compartilhar sua opinião! Todos os comentários passam por moderação, por isso podem não aparecer imediatamente na matéria.